Otto estreia na literatura com “Meu Livro Vermelho”

 A obra reúne textos, fotografias e reflexões do cantor, produzidos entre os anos de 2014 a 2019

Otto aborda sentimentos cotidianos

Otto aborda sentimentos cotidianos

Hugo Sá

O cantor e compositor pernambucano Otto lança seu livro de estreia intitulado “Meu Livro Vermelho”. A obra reúne textos, fotografias e reflexões do cantor, produzidos entre os anos de 2014 a 2019 e publicados no Instagram.

Como uma espécie de diário compartilhado com o público, e uma escrita contemporânea, Otto aborda sentimentos cotidianos, ora contraditórios, ora complementares, para numa reunião de vestígios, apontar o êxtase de sua escrita, seus pedaços de linguagem livres.

Para a editora da Impressões do Minas, Elza Silveira, “o que encontramos em ‘Meu Livro Vermelho’ é o cantor e compositor Otto em incessante movimento, onde sua escrita se demonstra “aberta e caleidoscópica, revelando as inquietações e epifanias diante das asperezas e alegrias do cotidiano”, afirma.

Paulo Bispo, que foi professor de Otto em uma escola no Recife, e que assina a revisão e o texto de quarta capa do livro, afirma que o cantor pernambucano “é poesia viva, de vida contundente, porque sua vida é a palavra musicada, são seus versos que o fazem viver em cada poesia que suas retinas musicais surpreendem”.

O livro também pode ser encarado como um oráculo, permitindo ao leitor abrir suas páginas de modo aleatório e tomar para si as palavras de Otto. É possível também, a partir de seu formato inspirado em diário, compreender vestígios de um tempo e de um país pelo o olhar e visão crítica do cantor e compositor.

“Meu Livro Vermelho” está em pré-venda no site da Impressões de Minas Editora.

“Meu Livro Vermelho”
188 páginas
R$ 70
Impressões de Minas Editora

Últimas