Gentili é condenado após chamar doadora de leite materno de 'vaca'

Humorista foi condenado pagar indenização por danos morais a uma enfermeira doadora que leite que virou piada em programa na Band

Danilo Gentili fez piada com doadora de leite materno

Danilo Gentili fez piada com doadora de leite materno

Reprodução

O STJ (Superior Tribunal de Justiça) decidiu manter a indenização de R$ 80 mil por danos morais que a Justiça de Pernambuco havia concedido a uma mulher que foi alvo de piadas no programa "Agora É Tarde", de Danilo Gentili, na Band, em 2013. Também foram condenados na ação o comediante Marcelo Mansfield e a TV Bandeirantes.


A mulher, que apareceu em reportagens como conhecida a maior doadora de leite materno do Brasil, foi comparada por Gentili a uma 'vaca' e ao ator pornô Kid Bengala.

"Em termos de doação de leite, ela está quase alcançando o Kid Bengala." , comentou Gentili.

Ao ser exibida uma foto da mulher, que é enfermeira, no programa no momento em que ela fazia a ordenha para doar o leite materno, o comentarista Marcelo Mansfield, colega de palco de Gentili, ainda afirmou que não era uma "espanhola, mas uma América Latina inteira".

Moradora da pequena cidade de Quipapá, na zona da mata pernambucana, a mulher disse, na época, que pretendia parar de doar leite pois se sente humilhada.

Segundo o processo, ela chegou inclusive a mudar de cidade por causa das ofensas públicas que sofreu.

A enfermeira recorreu à Justiça e em 2016 uma decisão da 2ª Vara Cível da Comarca de Olinda lhe concedeu indenização de R$ 200 mil. A Justiça entendeu que ela teve  "a imagem utilizada de forma humilhante e degradante."

Posteriormente, o Tribunal de Justiça de Pernambuco determinou a redução do valor de indenização para R$ 80 mil, valor confirmado agora pelo STJ, após recurso de emissora e dos humoristas. Inicialmente, a enfermeira havia pedido uma indenização de R$ 1 milhão.

Nem Gentili, por meio do SBT, nem a Band se pronunciaram sobre o assunto. As partes ainda podem recorrer, mas o processo já está praticamente em sua fase final.